segunda-feira, 30 de novembro de 2009

RESOLUÇÃO SOBRE 2° TURNO DO PED NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

A AE-RJ participou do 1º turno do PED 2009 defendendo a importância da candidatura própria do PT ao governo estadual em 2010 como a tática eleitoral mais adequada para: 1 - Fortalecer política e eleitoralmente a candidatura Dilma à presidente da República; 2 - Oferecer aos cidadãos fluminenses um programa de governo popular e de esquerda em consonância com as mudanças em curso no âmbito federal; e 3 - Aumentar as condições de governabilidade de um possível governo Dilma através da ampliação das bancadas parlamentares e do número de governadores, contribuindo assim para o fortalecimento do Partido.

No 2º turno trata-se de dar sequência e consequência a esta tática que é de construir um projeto político de esquerda para o Estado do Rio de Janeiro. Reconhecemos que o companheiro Lindberg Farias é o quadro partidário que reúne as melhores condições políticas e eleitorais para ser o candidato do PT a governador em 2010.

Do ponto de vista do Partido consideramos fundamental resgatar o funcionamento das instancias, o respeito às decisões das bases na condução das ações partidárias, buscar a aproximação com os movimentos sociais populares, e reconstituir relações de confiança entre as forças políticas com respeito às decisões e acordos estabelecidos.

A partir destes pressupostos a Direção Estadual da Articulação de Esquerda/RJ conclama a todas e todos apoiadores da chapa Esquerda Socialista e da candidatura Taffarel a presidente estadual a votarem no companheiro Lourival Casula no segundo turno do PED no estado do Rio de Janeiro.

Rio de Janeiro, 27 de novembro de 2009.

Direção Estadual da Articulação de Esquerda – Rio de Janeiro

AFRO-BLOG'S