segunda-feira, 13 de junho de 2011

PT discute candidatura própria

“Nem o Vasco aceita mais ser vice!”. Foi com esse comentário bem-humorado que o ex-senador Saturnino Braga defendeu que o Partido dos Trabalhadores comece a se preparar para ter candidatura própria nas próximas eleições. A declaração de Saturnino foi dada no seminário PT às 10, organizado pela tendência Vertente Sindical Petista e realizado no sábado passado, 11 de junho, no auditório do Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro, no Centro.

Conselheiro da Fundação Perseu Abramo, Saturnino Braga afirmou ainda que “nós não precisamos nos manter subservientes ao PMDB”. A mesa de debates contou com as presenças de Valdyr Rocha, do Diretório do PT de Belford Roxo; Carlos Kalifa, do núcleo do PT do Largo do Machado; Fernando Paulino, da direção do Sindicato dos Jornalistas do Estado do Rio, além de Saturnino. Todos concordaram com a necessidade de o Partido ampliar a discussão sobre candidatura própria, a partir de uma política de alianças que coloque o PT como o principal protagonista do cenário político brasileiro.

O tema do seminário foi a relação do PT com os governos Dilma e Sérgio Cabral, ficando nítido que falta uma melhor interlocução entre o Partido e os governos. Compareceram ao seminário militantes de Rio Bonito, Belford Roxo, Teresópolis, Niterói e Rio de Janeiro.

O próximo encontro PT às 10 será no sábado, 23 de julho, sob o tema Reforma Politica.

Acesse o sítio vertensindicalpetista.com.br

Pelas informações, Fernando Paulino   

AFRO-BLOG'S